Archive for agosto de 2020

A nudez da história: possibilidades

Conta-se a vida, mas não dá para se esticar nos detalhes. Vive-se. Há tantas coisas que a confusão tumultua nossa lucidez. Mas como é possível se omitir, fugir dos eventos, evitar os encontros, calar-se? O movimento da história se nutre de complexidades.A grande questão é decifrá-las e estabelecer o reino da verdade. Os desafios são […]

Read the rest of this entry »

O historiador faz sua história

Quem imagina um mundo de harmonias plenas terá decepções. Os desencontros são constantes, apesar dos sonhos e das utopias. Não vamos deixá-las isoladas.É importante saber que há desigualdade e exploração, mas que é preciso não desistir.Nem todos cultivam violências e malícias. As experiências são diferentes, surpreendem, colocam incertezas. Dispensar a ambiguidade é erro, porém saber […]

Read the rest of this entry »

A morte não é um número

Muitos mistérios cercam a vida. Não haverá tempos transparentes. Sempre as dúvidas sacudirão os mais ingênuos. Nascemos, andamos, corremos, morremos.Há distrações, impasses, loucuras, cavernas, moradias descontruídas. O fim chega e derrota o desejo de inquietação. Em tempos de crises, alguns não ligam para morte e acionam as estatísticas. Há especialistas em fazê-las sofisticadas. As dores […]

Read the rest of this entry »