Posts Tagged ‘cotidianos’

A vida e o circo

Há uma memória guardada no silêncio e o desejo ardente de envitar exílios. As histórias não se mostram sem mistérios e os sentimentos lembram tempos imaginários. A vida se veste com a instabilidade de cotidianos travessos, não há sossego para quem se esconde para além da magia. Os corpos se encolhem com medo do tardio […]

Read the rest of this entry »

Medos, tensões, culpas, mercadorias

  O assunto é antigo, mas não deixa de se ampliar. Nem parece que existiram vários movimentos contra as desigualdades, nem tampouco que o afeto se constitui como fundamento da sociabilidade. Hesito, muitas vezes, a escrever, de novo, sobre a violência. O cerco é grande e as tendências a banalização não se vão. A violência […]

Read the rest of this entry »

As acrobacias das histórias incertas

Há reflexões que moram na história. Não se mudam. Inquietam, denunciam, frustram-se. Nos tempos que muitos acreditavam num futuro dominado pela luz da ideologia do progresso parecia que as harmonias venceriam os conflitos e as explorações. A expectativa não se concretizou. O discurso progressista cabe, às vezes, nas mudanças tecnológicas, em teorias científicas, em soluções […]

Read the rest of this entry »

Modernidade: descuidos, repetições, impasses

Revendo o cotidiano e batendo nas teclas da mesmice, mas lembrando  que o tempo passa e o cinismo parece servir de moldura para esconder projetos que anunciavam otimismos, nada como conversar com o mundo e traçar palavras. Nem sempre, as mudanças se soltam. Há muitas cenas que se repetem e criam tensões. Os impasses não […]

Read the rest of this entry »