Posts Tagged ‘drogas’

A violência de cada dia

Falam que a guerra civil se estrutura, aos poucos, e surpreende. Ela produz uma inquietação agressiva. O medo se expande quando os assassinatos acontecem e oferecem um espetáculo nada agradável. Por detrás dela, existem golpes políticos, corrupções programadas, vinganças objetivas.O Rio de Janeiro assusta. Seu cotidiano ganhou sangue covarde, explodiu cofres, intimidou policiais. Não é […]






Share Read the rest of this entry »

A polêmica permanente e o uso da droga

O debate sobre a droga está presente, mas possui uma longa história. As sociedades utilizam comportamentos para expressar suas escolhas, esconder suas mágoas, eliminar seu inimigos e seguir adiante. Desde os tempos mais antigos, usando uma diversidade marcante que esconde e esclarece as sinuosidade da cultura, o movimento das palavras articula a vida. Já que […]






Share Read the rest of this entry »

As estratégias de sobrevivência e os controles cotidianos

Há uma insatisfação com a vida cotidiana que toma conta da maior parte da população. Existe quem reclame de mais privilégios, sente-se invadido em sua residência pelos ruídos da rua, pelo tumulto causado por mendigos habitantes da praça. Mas há quem exija o mínimo e nem sequer  visualizar possibilidades de mudança. Os ônibus representam o […]






Share Read the rest of this entry »

Tensões urbanas: drogas, medos, mesquinhez

O aumento da intensidade da vida urbana traz problemas inesperados. Não poderia ser diferente, pois o que rege a mudança é o ritmo do capital. A meta é a concentração de riqueza e a exibição das supremacias. As intenções de firmar solidariedade são mínimas. Vende-se uma pedagogia que desanima a ética. Os que lutam contra […]






Share Read the rest of this entry »

A fabricação da drogas e o desencanto com o mundo

Não se vive sem estímulos. A apatia nos tira da movimentação da vida. Somos animais sociais que curtem debater, se alegrar, dividir dores e espantos. Há muito o que fazer.A complexidade aumenta. Problemas para os governos, descasos na gestão coletiva, medos no pulsar do cotidiano. Não é fácil. As acusações correm o mundo, com julgamento […]






Share Read the rest of this entry »

Dê uma olhada inquieta na tua imagem

O fim de semana foi pesado. Há tempos de celebrações alegres e outros de reflexões desanimadoras. Desconfio do linear, mas não nego que repetições acontecem e tocam nas memórias. Vivemos muitas tragédias. Tiveram formas diferentes, pertenceram a épocas culturais diversas. Não deixaram de fincar marcas. O 11 de setembro, nos Estados Unidos, ainda hoje chama […]






Share Read the rest of this entry »

A pressa das drogas e os incômodos de Freud

Quem não busca a felicidade ou momentos de sossego? Freud desconfiava do equilíbrio permanente. Sempre falta alguma coisa, o desejo não deixa de movimentar-se. São assuntos presentes nos papos mais comuns. Mesmo na aceleração do mundo do trabalho o contato com essas ideias nos chega. As propagandas exploram bastante o poder de alimentar prazeres contínuos. […]






Share Read the rest of this entry »