Posts Tagged ‘educação’

Albert Camus: o mito de Sísifo, o suicídio, o prédio gradeado

  Trabalho num prédio gradeado. São quinze andares. Fico numa sala confortável. Trata-se de uma instituição educacional, mas se torna, muitas vezes, uma fábrica de vaidades. Usa-se a palavra produção com insistência. Existem planos para futuro com tecnologias de ponta. Porém, as lacunas estão no presente. O prédio gradeado parece uma prisão com certas solturas […]

Read the rest of this entry »

A sala de aula: lugar do encontro?

    Sou professor faz um bom tempo. Hoje, a maior parte dos alunos e alunas possui idade de serem filhos e filhas. Já cruzei muitas travessias, observei gerações, debati valores, passei por ótimas experiências, morei em instabilidades. Há as dificuldades. As pessoas se perguntam, o mundo ferve, a sociedade de consumo é turbulência. Portanto, […]

Read the rest of this entry »

A educação está no porto das tormentas?

Nenhuma sociedade consegue navegar se não define seus projetos. Não aparecem de repente. É preciso debates, divergências, diálogos. Quando a penúria é grande há possibilidades do navio afundar. O Brasil tropeça. A educação não tem sido  bem assistida. Há sempre ameaças constantes de privatizações e o  negócio enche o mercado de diplomas esquistos. A procura […]

Read the rest of this entry »

A educação e a saúde no fôlego da agonia

Muitas mudanças aconteceram com sinais de que as relações sociais poderiam ganhar mais solidariedade. Houve mesmo melhorias em índices de desenvolvimento e não faltaram os discursos de celebração. O Brasil virou notícia, diziam os otimistas de plantão. O caminho havia sido aberto, com alianças política amplas e escorregadias. Não era tudo tão sossegado como parecia. […]

Read the rest of this entry »

A educação na esquina do desencontro permanente

As greves se sucedem. Parece que há uma falta permanente de juízo mínimo. Os governos falam de milhões para salvar as escolas, de tecnologias ditas avançadas, de projetos mirabolantes para acabar de vez com  o analfabetismo. Ouço essa conversa desde pequeno. Não era, ainda, professor. A situação não era tão caótica. As escolas públicas tinham […]

Read the rest of this entry »

Quem tem medo do professor?

Mais uma grande mobilização nacional dos professores para protestar e reivindicar melhores condições de trabalho. Insistência e resistência. Não podia ser diferente. A administração pública não cessa de mostrar vacilações. Parece desconhecer os caminhos que levam a qualidade de ensino agregadora. Especula-se sobre a compra de computadores, estabelecem-se  prazos para reformar escolas, mas predomina uma burocracia […]

Read the rest of this entry »

Educação, Enem, saúde, descontroles

  A euforia desenvolvimentista causa ilusões. Usam-se estatísticas para provar o poder de compra da população, sintetizando a qualidade de vida na elasticidade do crédito. Estamos assistindo aos inúmeros acidentes de trânsito, mortes frequentes, incapacidade de organizar a famosa mobilidade urbana. Olha-se a quantidade, matematiza-se da maneira mais supérflua. Houve uma corrida para adquirir bens […]

Read the rest of this entry »

Há vagas para professores, faltam salários dignos

A sociedade gosta de celebrações. Faz festas e homenagens, distribui presentes e medalhas. Depois, há um esquecimento. Tudo volta ao dia a dia. Cada um se recolhe aos segredos e às batalhas. Aguardam-se outras datas que acendam o comércio na sede de estimular o consumo. O dia do professor está próximo. Será no sábado. Isso não colabora muito […]

Read the rest of this entry »

O afeto mal cuidado no reino das crianças

As leituras dos jornais têm um sabor especial. São muitas notícias, anunciando a diversidade do mundo. Exigem uma atenção cuidadosa. Podemos reler os temas e cair numa meditação silenciosa. Há condições de enganar a pressa e fugir da superficialidade das manchetes. O importante é observar a complexidade das relações. Elas se misturam com as ofertas […]

Read the rest of this entry »

A tecnologia que não salva, silencia e desespera

As andanças da modernidade levaram a mudanças significativas na forma de conviver. O crescimento e a complexidade da tecnologia é um campo aberto , para refazer descontroles e aproximar-se de culturas diferentes. O fato de ter fortes ligações com os mecanismos de poder impede que ela atravesse certos obstáculos e ganhe espaços de generosidade. Ela […]

Read the rest of this entry »