Posts Tagged ‘Memória’

Os significados dos sentidos e a existência do absurdo

  Há palavras que são densas. Provocam debates e incertezas. O pensador Michel Foucault afirmou que a história não tem sentido. Ele quer enfatizar que ela é uma construção, não cabendo, aí, a idéia de destino, nem tampouco a pré-determinação. Vamos vivendo, tecendo as relações sociais, mas a complexidade do coletivo e suas ações culturais […]

Read the rest of this entry »

O passado acena com movimento e reencontros

  No final de ano, cria-se uma atmosfera diferente. As recordações assumem um lugar especial. Não há quem resista a contemplar as coisas do passado. Os tempos estão dialogando e incentivar essa ação faz bem ao movimento da memória. Um olhar sobre as faltas, as frustrações , o inesperado, anima a vontade de mudar certos atos. […]

Read the rest of this entry »

Os sustos da vida, os ritmos do inesperado

             Quem pensa a história está ligado no tempo. Os acontecimentos tem um fluir, não são estáticos. É preciso defini-los no seu ritmo. Se acreditamos na sucessão dos instantes, na força das causas e das consequências, podemos passear no trem do progresso. Alguns exageram e sacodem as soluções para o futuro. Isso era muito comum […]

Read the rest of this entry »

A saudade embala o tempo, a vida, a memória

Há pessoas que ficam. Criam seus pactos com a eternidade, de forma diferente, mas com uma força afetiva marcante. Outras desaparecem e morrem, sepultando lembranças e passados. Não basta formular pensamentos, divulgar invenções, organizar rebeldias. Os traços de cada um vão desenhando figuras que acompanham a vida. A memória acede o coração e nos move […]

Read the rest of this entry »

A difícil situação dos goleiros: os arcanjos esquecidos

Diziam que onde os goleiros pisavam, não nascia grama. Era o anúncio da maldição. Os atacantes são os escolhidos pelos deuses da bola. Quando bem sucedidos ganham milhões. O goleiro convive com a fatalidade. Se falha, derruba resultados e fortalece traumas. A condenação é rápida. O futebol não preserva o princípio do equilíbrio. Faz parte […]

Read the rest of this entry »

A bola no pé e no coração: nostalgias de sempre

As saudades acompanham a nossa vida. A memória seleciona momentos que ficam como uma paisagem na janela. As lembranças têm vida, fazem parte das satisfações cotidianas. É claro que há relações que preferimos nem vê-las como sombras. Mas o  passado é fonte de muita coisa, nunca deve ser desprezado. Sou canceriano, portanto curto a saudade. Converso […]

Read the rest of this entry »

Nomes, ritmos, invenções e memórias

Astor Piazzolla é um das mais notáveis compositores  do século XX. Argentino, fez uma revolução no tango tradicional. Não foi fácil. Sentiu-se um exilidado na própria terra. Recebeu críticas de Jorge Luís Borges e outros intelectuais e as respondeu com a autoestima doendo. Hoje, está consagrado, mas já não pode assistir ao êxito mundial das suas […]

Read the rest of this entry »