Posts Tagged ‘Política’

A vitrine eleitoral enfadonha: o canto da mesmice

Parece que o espetáculo custa a se movimentar. Não faltam notícias desencontradas, mas a população ainda não se atiçou. O primeiro debate, com sofisticações imensas, foi lento. nem consegui vê-lo na totalidade, Não há tempo para aprofundar nada e tudo se perde no óbvio. Será a disputa do bem contra o mal? Querem colocar Deus […]

Read the rest of this entry »

O jogo ensaiado das alianças políticas

    A escalação de um time de futebol revela disputas e ascensão de ídolos. Promove debates ferrenhos e troca de insultos. Criam-se facções, torcidas organizadas. São as paixões e as agonias do cotidiano se misturando. Uma confusão já conhecida. Mas observe as eleições no Brasil. Elas estão repletas de instabilidades. Parecem um grande negócio […]

Read the rest of this entry »

A política é trem de carga com peso extra?

  Nunca vi tanta facilidade para mudar de lado. Será que o pragmatismo é o pai de todos os males? Não tenho resposta pronta. Sei que a sociedade capitalista é o reino das compras e das armadilhas. Os políticos gostam dessa manobras. Querem privilégio. Há rara exceções. Temer conversa com Cunha. Renan diz apoiar Lula. […]

Read the rest of this entry »

Quais são as medidas da intolerância e da máscara?

  A sociabilidade sofre ameaças quando as raivas se expandem e multiplicam inimigos. As tensões são irritantes. Ataca-se como uma diversão. As redes sociais garantem anonimatos. Um esconderijo perfeito para quem gosta da agressividade ou se encontra tonto com suas escolhas. Fez greves no passado, acusou o liberalismo, prometeu manter-se socialista e , depois, desiste […]

Read the rest of this entry »

Depois da festa, o acaso ou o desmonte?

  A Copa movimenta. Há paralisações, mesas de bares repletas, concentrações etílicas. Sem dúvida, muitos esquecem que a vida passa e a barra pesa. Os políticos se aproveitam para fazer sua farra. Mas como anular o divertimento? Também, curto. É preciso cuidado e luz acesa. Não desligar a televisão e profetizar sofrimentos. Essa é minha […]

Read the rest of this entry »

Quem conta a história de Lula?

  A história tem andanças flutuantes. É um espaço múltiplo. Não dá para entendê-la com pensamentos exatos ou análise de complexidades estranhas. Lula está preso, mas não deixa de ter admiradores. Seu nome não sai dos jornais. Há quem o transforme num salvador. No entanto, não esqueça da ambiguidade do mundo do espetáculo. Já vi […]

Read the rest of this entry »

Bolsonaro: o mágico do caos?

Quem despreza a memória pode cair no pântano. Muitos adoram salvações, pois fogem das responsabilidades. A culpa amedronta e a reflexão dói. Na época de eleições  os debates se acendem. Nada de mal, trazem crítica e convivências. Passamos porém por uma situação confusa. Aparecem os sinais de ideais fascistas, populismo e se articulam greves obscuras. […]

Read the rest of this entry »

O perfume da gasolina e os dualismos

  Estamos habituados com o dualismo. Afirmamos verdades ou mentiras, somos do bem ou mal. A história tem registrado religiões que vivem divulgando pecados e salvações, céus e infernos. Os dogmas assumem lugares até na construção do conhecimento acadêmico. Não é possível exercer dúvidas e ampliar críticas? O controle social é sutil. Os computadores espionam […]

Read the rest of this entry »

Marx não desmoronou

Há pensadores que sobrevivem e não são abndonados. Marx é um deles. Consegue manter suas críticas válidas e ser admirado por militantes. As frustrações das revoluções socialistas não o apagaram da  história. É claro que as políticas existem e provocam agressividades. A sociedade está sufocada, procura caminhos, encontra-se cercada por modas intelectuais imensas. O consumo é […]

Read the rest of this entry »

Aécio sem ingenuidades: o vasto mundo

    A situação tornou-se bem incômoda para o PSDB. Será que os peixes grandes estão na rede? Lula foi preso, mas ficou muito coisa no ar. Aécio tem culpas estabelecidas . Gostava do papel de ingênuo. Suas travessuras são antigas. O governo de Minas deixou marcas de muitas suspeitas. Ele queria ser presidente. Armou […]

Read the rest of this entry »