Posts Tagged ‘quantidade’

As complexas relações das diferenças e das novidades

Não há como ficar quieto. A sociedade armou-se de tantos meios de comunicação que as informações circulam sem parar. Fica difícil distinguir o que é o antigo, o que é moderno. O negócio é veloz, veste-se com o encanto da novidade. Como a memória encontra-se em situação desfavorável, tudo gira numa confusão profunda. O deslocamento […]

Read the rest of this entry »

As multidões e o consumo virtual: inquietudes cotidianas

Quase inexistem feriados como antigamente. Querer escutar o silêncio não é um desejo bem aceito nas grandes metrópoles. Há celebrações de dias santificados, de lutas conquistadas, de heróis nacionais, mas há sempre algo funcionando, uma venda, uma troca, uma cerveja, uma vadiagem pouco tensa. A cidade dividida produza certas confusões. Os bancos fecham, os shoppings […]

Read the rest of this entry »

A exaltação da quantidade, a perda da leveza

Quem escreve se comunica e recebe respostas, mesmo indiretamente. A escrita é uma longa conversa. Passa pelos movimentos do eu e suas questões. Somos, então, nossos primeiros leitores. Ficamos perplexos com afirmações que saem lá de dentro. Estavam trancadas, escondendo rebeldias ou decepções. Por isso, há raciocínios que se repetem. Os incômodos não abandonam quem […]

Read the rest of this entry »