Posts Tagged ‘rituais’

O Brother não é o pecado capital da sociedade

Os rituais são comuns. Quem pode viver sem eles? Os anos passam, mas estamos envolvidos por relações que nos lembram de anos da infância ou  de perdas recuperadas. Viver é também costurar repetições. Não se anulam as dúvidas tão repentinamente. O tempo tem seu vaivém que chama atenção dos inquietos. Há acontecimentos que sacodem a […]

Read the rest of this entry »

As referências e os rituais, as perdas e as velocidades

Os transportes do tempo não se fazem sem rituais. A sociedade deseja novidades, não dispensa referências. É um problema da complexa pós-modernidade. Há inquietações amplas, porque se busca limites num universo de formas estranhas e efêmeras. Teima-se em contar os dias, refazendo datas e calendários seculares, num oceano de memória saudosa das astúcias de Ulisses. […]

Read the rest of this entry »

Os rituais do cotidiano retomam assombrações

Há quem se ajuste no presente de forma radical. Não querem saber do passado. Juram que há progressos promissores. Tornam-se  dogmáticos sob o signo da razão. Vivem as tecnologias com entusiasmo quase religioso. Não é à toa que o mundo seja palco de cenários múltiplos. Não esqueçamos os nostálgicos, alérgicos às ficções futuristas, curtindo música no seu […]

Read the rest of this entry »

Quem não vive a ressaca do consumo?

               Tudo se inventa. Havia trocas intensas na época que o comércio ganhou espaço e busca de mercadorias exóticas no tempo das grandes navegações. Hoje, a história é outra. O capitalismo estica as cordas, aperfeiçoa os laços e festeja as astúcias tecnológicas. A sociedade de consumo estende-se pelo mundo, fascinando. Muitas cores, formas diversificados, anúncios […]

Read the rest of this entry »