Posts Tagged ‘universo’

A morte de Stephen: o poema do universo

    Nem sei se sou mesmo um historiador. Fico perplexo com aqueles que buscam firmar lugares. Acho tudo tão complexo, as perguntas tão profundas. Algumas coisas consigo compreender. Mais com o coração do que a razão. Duvido dos poderes da razão, pois observo que há utilitarismo científico acelerado. O capital dá as ordens. Infiltra-se […]

Read the rest of this entry »

Especulações circulares

  Desconheço a geometrias do universo, mas renego linhas retas  e avulsas. Não existem cores, nem formas para dar conta dos sentimentos humanos. Somos todos adivinhos do que nunca termina, derrubamos mitos, abafamos crenças. Não insista no pecado original e se desfaça das mentiras que dizem na esquina, a quem viva da acumulação, jogando luxo […]

Read the rest of this entry »

Sabedorias íntimas

Não queriam que desenhasse o sossego. Havia bravura e covardia, temia-se o desgoverno. Contei, então, o tempo que faltava no espaço do sem sentido e medi as palavras com o peso da tristeza. Sabia que o mundo não pertence a deuses, nem demônios, tinha que arrancar as profecias  das pedras arruinadas. E inventava a história […]

Read the rest of this entry »

Picasso: o desmedido das formas e das cores

                                                                                O gesto é um corte na palavra do discurso confuso.                       Busca outros desenhos e narrativas, acena para o cosmo.                       Os traços da mão configuram o mapa veloz dos sentimentos.                       Cada intimidade é o estranho desfiguardo no mundo das coisas e                          dos manequins.     […]

Read the rest of this entry »

As dimensões do Universo, o toque da imperfeição

A ciência nos ensina sobre nossa íntima relação com o Universo: a matéria da qual somos feitas é também a de estrelas , planetas e luas. A bela afirmação, acima, é de Marcelo Gleiser. Ele é professor de física teórica, em Hanover nos Estados Unidos. Tem vários livros e artigos publicados. Escreve na Folha de São Paulo […]

Read the rest of this entry »