Posts Tagged ‘utopias’

Descole-se: os anjos usam motos velozes




Confiar nas utopias se tornou uma crença, pois os lutadores estão caindo na lona. Proclamaram-se revoluções, refizeram-se liberdades, esconderam-se violências. A chave da porta principal está perdida. A sociedade aumenta sua população sem encontrar regências harmoniosas para sua administração. Sacudiram os sentimentos no ar, em nome de razões ditas esclarecedoras. Os sistemas se implantaram buscando […]




Share Read the rest of this entry »

A quem pertencem as histórias e as inquietações?




Não vejo no mundo uma trilha que leve ao sossego.  Penso num instante que traria outro ritmo para respiração. A cultura está cercada de objetos e teorias. Há um desejo, talvez inexplicável, de decifrar a nudez das nossas vidas. Queremos histórias e narrativas que possam nos acudir. A carga das dúvidas é incomensurável. Ela existe […]




Share Read the rest of this entry »

As críticas, os saberes, os espaços de contraponto




Dizer que a sociedade é democrática como se sonhava é uma falta de olhar atento. As conquistas não foram poucas. As épocas possuem seus valores, mas também se luta para modificá-los. Nem sempre a resposta traz satisfações para maioria. Isso não é, apenas, da contemporaneidade. É uma travessia histórica e inquieta. Convive-se com incompletudes, daí […]




Share Read the rest of this entry »

Não pense, apenas, no sonho do paraíso (I)




A utopia não é descartável. Ela anima sonhos, nos tira do comum, nos faz pensar o impossível. Querer que tudo seja uma reprodução do real não transforma nada. É um canto da mesmice. Definir o real é um problema, como também buscar o traço definitivo da objetividade. Cada um lança um olhar mundo, muitas vezes, despretensioso. […]




Share Read the rest of this entry »